FR EN DE ES IT PT
Artigo escrito por BillFR, Dev de DOFUS:

Olá a todos,

Para começar este ano, eu gostaria de fazer uma observação sobre a evolução dos servidores de DOFUS. Apesar da inclusão de numerosas otimizações no código dos servidores, da melhoria da arquitetura de rede, da gestão dos servidores de conexões múltiplas, a arquitetura dos hardwares dos servidores de jogo de DOFUS não sofreu grandes alterações desde o lançamento da versão 2.0. Enquanto isso, muitos recursos foram adicionados ao jogo, consumindo progressivamente mais e mais recursos do processador (CPU) e da memória.
Por exemplo, após a atualização 2.6, você provavelmente se lembra de alguns problemas com "lags" ligados as modificações profundas na arquitetura do servidor, que nós demoramos algumas semanas para ajustar.

Durante a atualização 2.9 no início de dezembro, nós implantamos o sistema de conquistas, o que foi um desafio técnico. A fim de evitar problemas de recursos de processador (CPU), optou-se por implementar uma arquitetura limitando no possível os custos de processamento das sucessivas verificações de validação das conquistas (contadores e gatilhos, são numerosas as ações possíveis em jogo por jogador).

No entanto, esta arquitetura escolhida para minimizar os riscos de "lags", tem um efeito oposto na memória. Na verdade, geralmente, no desenvolvimento de aplicações, ou são reduzidos o consumo de memória, exigindo mais cálculos (ou seja, recursos do processador/CPU), ou podemos fazer o inverso. A sutil arte de otimização exige de nós, portanto, encontrar um bom equilíbrio entre os dois.

A 2.9 lançada em 11 de dezembro desencadeou sérios problemas de memória, entre 11 e 20 de dezembro nós tivemos que realizar manutenções suplementares afim de fazer modificações e otimizações, para estabilizar e limitar o consumo de memória dos servidores. A passagem pela versão beta, semanas antes do lançamento, não foi suficiente para isolar todos os problemas. Isso é devido a menor frequência de jogadores no servidor beta para se aproximar de um servidor "normal", e igualmente pelo comportamento em jogo dos jogadores ser diferente neste servidor: algumas ações não são feitas tão frequentemente como no seu “real” servidor .

Se a situação está globalmente mais estável, nós sabemos que chegamos a um tipo de "limitação" (por exemplo, a carga de memória ligada a um personagem conectado, após o sistema de conquistas, dobrou de tamanho!). Nós somos conscientes de que o ano de 2013 terá novas funcionalidades e novos desafios técnicos, que exigem novos recursos de processador (CPU) e de memória. É por isso que nos últimos meses nós iniciamos uma migração progressiva dos servidores de DOFUS para novas máquinas mais eficientes, a fim de nos dar novas perspectivas.

A duração das manutenções, notadamente, é igualmente ligada com o desempenho dos servidores.

Nosso cronograma preliminar nos permite prever que até o final de março, se tudo correr como planejado, todos os servidores de DOFUS (banco de dados, servidores de jogo, ...) serão migrados para as novas máquinas, proporcionando assim, melhor conforto em jogo.

Entre os servidores de plataforma antiga, e os próximos servidores, nós dobramos a memória RAM, e o número de núcleos (processadores) foi triplicado.

Estas modificações nos permitem considerar projetos consistentes para DOFUS:
-    Multiplicar e expandir os conteúdos existentes (conquistas, áreas de jogo, ...)
-    Nos da à possibilidade de considerar as funcionalidades mais complexas e ricas que requerem recursos importantes do lado do servidor.

A fim de garantir boas condições de jogo, alguns dos servidores, que não foram migrados ainda, tem atualmente uma limitação de acesso para os não-subscritos, de modo que os subscritos possam encontrar um maior conforto de jogo ideal. Estes limites serão melhorados quando o servidor for transferido, nas próximas semanas.

Desde o lançamento da versão 2.0, nós temos trabalhado de forma constante para melhorar as performances dos servidores (otimizações, ...). Assim, nós fomos capazes de aumentar regularmente os limites de conexão por servidor, isso significa que podemos acolher mais jogadores que antes, sem a necessidade de criar novos servidores.

Este ano, nós vamos nos dedicar novamente para fazer de DOFUS um jogo mais rico, mais variado, mais divertido, e visando sempre limitar os problemas técnicos e antecipando melhor os riscos.

Todos os desenvolvedores de DOFUS, bem como toda a equipe técnica, deseja a todos o melhor neste novo ano cheio de novidades!
Categoria: Community